Thomas

(redirected from Tomás)
Also found in: Dictionary, Thesaurus, Encyclopedia, Wikipedia.

Thom·as

(tom'ăs),
Hugh Owen, British surgeon, 1834-1891. See: Thomas splint.
References in periodicals archive ?
Em sua reflexão antropológica, Santo Tomás de Aquino define o homem como um animal racional que somente pode ser denominado de homem quando entendido em sua totalidade, ou seja, o homem é constituído por uma alma e por um corpo: "para Tomás há, no homem, uma união intrínseca de espírito e matéria" (Lauand, 2001, p.
Para Tomás, a alma se une ao corpo em virtude de sua essência.
Ao se defrontar com essa questão da unidade do homem ou da relação da alma racional com o corpo (Vaz, 2004), Santo Tomás aplica ao homem o helimorfismo aristotélico, o qual compreende que todo ser material é um composto, isto é, um composto de forma e de matéria.
Essa dependência do sensível em Tomás de Aquino o afasta da concepção da iluminação do espírito humano diretamente por Deus para a formação das ideias;
Tomás até admite uma iluminação divina, mas essa iluminação foi dada de uma vez por todas, dotando o homem da "luz natural da razão", aliás, dependente das coisas mais sensíveis e materiais (Lauand, 2001, p.
Desse modo, São Tomás de Aquino valoriza profundamente a ação do docente e oferece o suporte teórico para o posterior modelo intelectivista e verborrágico do professor que orientará o ensino da Contra-Reforma e terá grande influência na educação durante vários séculos.
Tomás de Aquino corrigiu a doutrina platônica da iluminação de Agostinho.
Em um segundo momento, trazemos à baila a dimensão subjetiva do pensamento de Tomás de Aquino.
Este texto esboça, destarte, algumas considerações sobre a atualidade do pensamento de Tomás de Aquino, na medida em que propõe retomar a importância do potencial intelectivo do homem no processo de constituição subjetiva dos sujeitos e da coletividade social.
Para discorrermos sobre o mestre Tomás, precisamos, indubitavelmente, situá-lo em seu tempo, o século XIII.
São essas grandes perturbações produzidas, seja pelas transformações sociais, seja pelas diferentes correntes teóricas que surgem no seio da cristandade, que estão na base dos escritos de Alberto Magno, Santo Tomás de Aquino, São Boaventura, Siger de Brabante (Oliveira, 2005, p.
É, pois, dentro deste cenário de mudanças e alterações significativas que vem à tona os escritos de Santo Tomás de Aquino, ele próprio fruto destas transformações sociais e culturais.